Bairro da Saúde é eleito 25º mais descolado do mundo

| 07/10/2021

Quem é carioca com certeza frequentou ou já ouviu falar do bairro da saúde, principalmente sobre o Largo de São Francisco da Prainha. Hoje em dia, o mar não chega mais até ali, mas a maré continua boa pra esses lados. Ondas tão proveitosas que tem chegado até outros continentes. O bairro acaba de ser eleito uma das regiões mais descoladas do mundo pelo guia "Time Out Londres", ocupando a 25ª posição do ranking anual. "As ruas de paralelepípedos e os becos da Saúde oferecem uma pausa diante do Centro frenético do Rio", afirma a publicação. "Os visitantes irão descobrir charmosos bares antigos, bela arquitetura portuguesa e locais fascinantes, como a Pedra do Sal."
O texto também destaca que o Largo da Prainha passou a ser palco de música. Quando a cidade inteira ainda estava silenciosa e cinzenta por conta da pandemia, a prainha já começava a exibir cores e notas musicais, se tornando um dos berços do ressurgimento artístico da cidade.
Outras atracões da vizinhança deixam o espaço ainda mais surpreendente. A revista cita principalmente a área revitalizada e seus equipamentos culturais, como o Museu de Arte do Rio e o Museu do Amanhã, que segundo a lista, tem “arquitetura de um Ovni”.
O presidente da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), Gustavo Guerrante, comemorou a posição do bairro no ranking e projeta visibilidade para o Porto Maravilha em escala mundial: "Duas frentes fazem do bairro da Saúde essa maravilha agora reconhecida pelo ranking da Time Out: a revitalização que o Porto Maravilha trouxe com a nova Orla Conde, Praça Mauá e museus; e a história do Rio preservada no casario antigo, principalmente no incrível Morro da Conceição. É com grande orgulho que nós recebemos esta classificação do bairro como único do Brasil da lista. Que isso ajude a projetar o Porto Maravilha para o mundo e para os cariocas que ainda não sabem como é bom passear pela Saúde".
O artigo ainda sugere o que seria um dia “perfeito” no bairro: "Comece subindo a bela Ladeira de João Homem para admirar a vista a partir do Morro da Conceição. Depois, visite a Casa Omolokum para um almoço afro-brasileiro de boas-vindas caloroso, acompanhado por caipirinhas. Feche a noite com música ao vivo, dança e churrasco brasileiro no Bafo da Prainha".
Se depender da vitalidade que o bairro carrega até no nome, não vai faltar saúde pra esse cantinho continuar atraindo turistas do mundo inteiro.
Texto: Pedro Dias | Fotos: Pedro Dias e Bruno Bartholini

Tags: