Rua Walls: Porto Maravilha ganha mais 1,5 km de arte urbana

Cultural | 03/09/2020

Em 30 noites, 18 artistas consolidam a Região Portuária como principal ponto para arte urbana no Rio

Desde o início da semana o Santo Cristo recebe o 'Rua Walls', projeto de arte pública, aberta e acessível que transformará 1,5 Km dos muros dos Armazéns da Região Portuária, na Av. Rodrigues Alves, em obras de arte. Com apoio da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp) cada artista convidado pinta um mural em 30 noites com auxílio de 14 plataformas elevatórias distribuídas ao longo do trecho. O início da exposição está previsto para o dia 27 de setembro. O projeto da produtora Visionartz desenvolve há mais de 10 anos ações de revitalização urbana na região, sempre associadas ao desenvolvimento social por meio da arte.


Mais do que uma exposição artística, a iniciativa serve como ferramenta de revitalização da região e movimentação da economia local, impactada pela crise do coronavírus. Um dos idealizadores, André Bretas, destaca que o Rua Walls traz um novo colorido para o bairro em um momento tão cinzento. "As pinturas revitalizam a cidade e podem ser vistas de dentro do carro, ônibus ou por pessoas que estejam passando pelo local a turismo ou não", explica. As obras estarão expostas entre os armazéns 10 e 18 do porto, na altura do prédio AQWA Corporate, Túnel Marcello Alencar até a Rodoviária Novo Rio.
O Rua Walls faz parte de novo projeto urbanístico para integrar a Região Portuária à vida cultural e profissional da cidade. Além dos muros na Via Expressa, também será realizada a pintura artística nos muros da Escola Municipal General Mitre, no Morro do Pinto. A ação faz parte do  projeto ‘Voltando às Aulas’, liderado por Ricardo Célio, um dos artistas escalados.
Dentre os nomes confirmados para execução das obras estão: Agrade Camís, Amorinha, Bruno Lyfe, Célio, Chica Capeto, Diego Zelota, Doloroes Esos, Flora Yumi, Igor SRC, Leandro Assis, Luna Bastos, Mariê Balbinot, Marlon Muk, Miguel Afa, Paula Cruz, Thiago Haule, Vinicius Mesquita e Ziza.


Cuidados e interdições
Com a pandemia da COVID-19 os cuidados foram redobrados. A equipe de produção foi reduzida e estão sendo seguidas todas as recomendações do Ministério da Saúde. Com apoio da Prefeitura do Rio, as pinturas serão feitas durante a madrugada, período em que a avenida permanece interditada para o trânsito.

Tags: