Fundo Baobá apoia com até R$ 2,5 mil projetos de combate ao coronavírus

Social | 07/04/2020



O Fundo Baobá para Equidade Racial lançou no dia 5 de abril edital para apoiar projetos de pessoas e organizações comprometidas com a equidade racial e que estejam ajudando comunidades no combate ao coronavírus. Giovanni Harvey, presidente do Conselho Deliberativo do Fundo Baobá, explica que o edital é bem simples, de abrangência nacional, pago com recursos próprios: “As regras de elegibilidade foram flexibilizadas. O público alvo destas doações serão organizações sem fins lucrativos ou pessoas que estejam desenvolvendo ações de enfrentamento à pandemia junto a públicos ou territórios vulneráveis”.
O edital selecionará propostas de ações de prevenção ao coronavírus em comunidades periféricas e territórios de vulnerabilidade, às populações em situação de rua, populações privadas de liberdade, jovens que cumprem medidas socioeducativas e idosos, residentes em áreas remotas de todas as regiões do País, como comunidades quilombolas, ribeirinhas, indígenas, ciganos, migrantes, refugiados e outras comunidades tradicionais, nas florestas e ilhas onde haja casos notificados, em fase de análise, ou casos confirmados de contaminação pelo coronavírus.
As solicitações serão avaliadas em até sete dias úteis, e os recursos creditados em até cinco dias úteis quando disponíveis. O limite para a transferência de recursos é de R$ 2,5 mil por projeto. O Fundo Baobá destinará R$ 600 milhões este ano e espera captar mais R$ 2 milhões para manter o apoio enquanto for necessário.
Link para o edital