Festa dos Santos Populares Portugueses

Cultural | 07/06/2017

  • Titulo da Imagem

    Alceu Valença abre a noite de shows

  • Titulo da Imagem

    Tulipa Ruiz e Marcelo Jeneci se apresentam no domingo

  • Titulo da Imagem

    Felipe Cordeiro anima a festa no sábado

  • Titulo da Imagem

    A portuguesa Ana Moura encarra a programação

  • Titulo da Imagem

    Ano passado, evento atraiu mais 15 mil pessoas à Praça XV

Programação no Armazém da Utopia reúne música, gastronomia e cultura luso-brasileira entre 9 e 11 de junho

Sábado, 10 de junho, é Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, comemorado no país europeu como feriado nacional. Por aqui, o mês é marcado pelos nossos arraiás, que tiveram origem dos costumes das festas populares trazidos ao Brasil pelos colonizadores. No Rio de Janeiro, a homenagem em 2017 vem com a Festa dos Santos Populares Portugueses na Região Portuária. Depois do sucesso da primeira edição, que levou mais de 15 mil pessoas à Praça XV no ano passado, o evento retorna à cidade, entre os dias 9 e 11 de junho, em galpão de 5 mil metros quadrados no Cais do Porto, o Armazém da Utopia.
Alceu Valença abrirá a programação musical, na sexta-feira, dia 9. O encerramento, no domingo, 11, será com Ana Moura, cantora portuguesa com 1 milhão de discos vendidos, destaque no cenário mundial por ter renovado o fado. Ana já cantou no Brasil com Gilberto Gil e Crioulo, e um dos seus maiores sucessos é o “Meu Amor Foi Para o Brasil”, do álbum de 2015. O navio-escola Sagres, principal embarcação de preparação e treinamento de cadetes da Marinha Portuguesa, aportará atrás do Armazém e ficará aberto à visitação. O veleiro vem ao Brasil, especialmente, para participar do evento. A cenografia da festa é assinada por Felipe Tassara e Daniela Thomas, que dirigiu com Fernando Meirelles e Andrucha Waddington a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de 2016.

Navio-escola Sagres, principal embarcação de preparação e treinamento de cadetes da Marinha Portuguesa, aportará atrás do Armazém e ficará aberto à visitação
Humor luso-brasileiro, arte e literatura
Uma das novidades na programação do evento este ano será o debate sobre o humor luso-brasileiro, que vai reunir o ator, cantor, humorista e apresentador de TV português Bruno Nogueira e o ator, escritor, humorista e roteirista o brasileiro Gregório Duvivier. Tendo o humor como grande catalisador de visibilidade, Bruno se tornou conhecido em Portugal após participar de um projeto humorístico de teatro e TV chamado Manobras de Diversão, e Gregório virou a sensação da internet no Brasil como um dos criadores do canal Porta dos Fundos. Os artistas discutirão a relação do humor e os temas do cotidiano em Portugal e no Brasil. O ator português Ricardo Pereira, integrante do elenco da novela das 18h da Globo, Mundo Novo, que conta a saga romanceada da coroa portuguesa no Brasil, é um entusiasta da Festa dos Santos Populares Portugueses e, pela segunda vez consecutiva, declamará poesias no evento. A programação do festival inclui, ainda, desfiles de vestimentas tradicionais portuguesa da Casa do Minho, marcações de quadrilha, workshop de culinária e venda de artesanato típico de Portugal, como bordados e louças, além de peças do nordeste brasileiro.
Gastronomia

Pastel de bacalhau: união do genuíno queijo da serra, em quantidades generosas, ao bolinho de bacalhau
O riquíssimo universo gastronômico português não fica de fora. Portugal tem a tradição de ter criado receitas cuja fama se perpetua além-mar, com origem nos conventos e mosteiros. Os criadores do movimento Melhor Pastel do Mundo vão apresentar duas inovações em seu cardápio, uma delas une o genuíno queijo da serra, em quantidades generosas, ao bolinho de bacalhau: pastel de bacalhau. A outra é uma mistura da clássica receita de arroz de pato português com o tradicionalíssimo pastel de feira brasileiro: o pastel de arroz de pato. Para harmonizar, será servido com a iguaria um caldo de cana picante, aromatizado com gengibre e canela. Estarão à venda nas barracas e restaurantes montados no Armazém da Utopia, ainda, comidas típicas da culinária portuguesa como sardinhas assadas na brasa, bolinho de bacalhau, punheta (salada de bacalhau desfiado), bifanas (sanduíche de carne de porco), pastéis de nata e ovos moles. Haverá, também, grande variedade de rótulos dos famosos vinhos portugueses e cervejas, cafés, vinho do Porto e ginjinha.
PROGRAMAÇÃO COMPLETA
Gastronomia
Arte Conventual
Quintal Português
Delícias Portuguesas
Vinhos e Azeites
Casa das Natas
Alma Fidalga
Melhor Pastel do Mundo
Tasca do Zé
Tasca do Bacalhau - Arouca Barra Clube
Restaurante Aurora, do Grupo Garota de Ipanema
Café Delta
Bares (vinhos, drinks, cervejas e soft drinks)

Artesanatos e produtos
Casa Vila da Feira
Lojinha do Festival
Nau Artesanato
Ecocopos

Sexta-feira, 9 de junho
Das 17h à 1h
A abertura da Festa dos Santos Populares Portugueses será dedicada ao cancioneiro nordestino. Nicolas Krassik, um dos herdeiros da famosa tradição francesa de violinistas de Jazz, se apresentará com Marcelo Caldi, cantor, compositor e arranjador sinfônico. O show terá composições de Dominguinhos e Luiz Gonzaga e outros ícones do forró, marchinhas portuguesas e mornas ao som instrumental de violino e sanfona, perfeito para quem quer dançar noite adentro. A sexta-feira terminará na vibração de Alceu Valença, um dos grandes nomes da música brasileira, personagem icônico da cultura nordestina contemporânea. Alceu vai recriar no palco do Santos Populares Portugueses gêneros do baião, xote, xaxado e embolada, acompanhado por sanfona, guitarra, flauta, bateria, triângulo e zabumba. Para aquecer os corações da plateia, a execução do repertório magistral do cantor e compositor terá, ainda, baixo, percussão e teclado.
Show:
Maria Alcina
Nicolas Krassik + Marcelo Caldi
Alceu Valença
DJ Ruben da Cruz
Atividades:
Leituras com Ricardo Pereira
Sábado, 10 de junho
Das 12h à meia noite
O palco do festival receberá o espetáculo “Deixem o Pimba em Paz”, apresentado pelo humorista Bruno Nogueira e pela cantora Manuela Azevedo.  O show é uma releitura da música brejeira lusitana, conhecida como “pimba”. São canções de artistas populares como Quim Barreiros, Ágata, José Malhoa e Marco Paulo, que ganharam um toque de jazz, pop e rock em novos arranjos de Filipe Melo, Nuno Rafael e Nelson Cascais. Também no sábado, a cantora Letícia Persiles se apresentará com o também cantor, compositor e instrumentista cearense Geraldo Junior. Eles farão um espetáculo baseado na releitura de clássicos da música popular brasileira. Para encerrar a programação, subirá ao palco Felipe Cordeiro, um dos principais nomes da cena contemporânea da música no Brasil. O artista paraense é conhecido por fazer uma narrativa musical em que se conectam guitarra, beats e letras de canções, num show pulsante cheio de lirismo, balanço e originalidade.
Shows:
Letícia Persiles + Geraldo Junior
Deixem o Pimba em Paz (Manuela Azevedo + Bruno Nogueira)
Felipe Cordeiro
DJ Ruben da Cruz
Atividades:
Workshop de culinária
Marcações de quadrilha (atividade infantil)
Leituras
Domingo, 11 de junho
Das 13h às 23h
Natasha Llerena, símbolo da nova safra da produção musical carioca, apresentará criações de sonoridade própria, que seguem referências africana, árabe e ibérica. A jovem artista mostrará a força da tradição popular brasileira miscigenada à música contemporânea internacional. Seu show contará com a participação da cantora e compositora portuguesa Rita Dias. Também subirão ao palco no domingo Tulipa Ruiz e Marcelo Jeneci. Aclamados pela crítica e adorados pelo público, eles apresentarão uma mistura dos sucessos de seus discos, além do single “Dia a dia, lado a lado”, composto há seis anos, que virou hit nos shows e na internet. O encerramento da Festa dos Santos Populares Portugueses ficará a cargo da fadista Ana Moura. A cantora apresentará o trabalho Moura, produzido pelo norte-americano Larry Klein, que já trabalhou com Joni Mitchell e Madeleine Peyroux. Ana Moura tem se destacado no cenário mundial por transmutar o fado em uma música aberta ao mundo e sintonizada com o contemporâneo.
Shows:
Natasha Llerena com participação de Rita Dias
Tulipa Ruiz + Marcelo Jeneci
Ana Moura
Atividades:
Debate de Humor com Bruno Nogueira e Gregório Duvivier
Desfile de Trajes do Minho
Leituras com Ricardo Pereira
SERVIÇO
Festa dos Santos Populares Portugueses
Local: Armazém da Utopia, Porto do Rio de Janeiro (próximo ao Aquário)
Horário: sexta-feira das 17h à 1h, sábado das 13h à 0h e domingo das 13h às 23h.
Quando: de 9 a 11 de junho
Informações sobre ingressos:
R$ 30 (inteira) / R$ 15 (meia)
Crianças até 12 anos não pagam
Vendas pelo site Ingresso Rápido