Racionalização dos ônibus: Prefeitura atende moradores da Região Portuária

Mobilidade | 17/02/2016

A Prefeitura do Rio alterou itinerário da nova linha de ônibus, a Troncal 8 (Cosme Velho - Rodoviária- via Praça Mauá), para garantir o melhor atendimento aos moradores dos bairros do Porto Maravilha. Ela substitui a 180 (Cosme Velho- Central - via Largo do Machado) fazendo a ligação com a Zona Sul passando pelas principais ruas da Saúde, da Gamboa e do Santo Cristo. A medida anunciada pela Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) passa a valer neste sábado, 20 de fevereiro, início da quarta etapa da segunda fase da racionalização das linhas de ônibus da cidade.
 
Na segunda-feira, dia 15 de fevereiro, a secretaria anunciou outras providências que beneficiaram a Região Portuária após reuniões sequenciais de negociação ao longo de janeiro e fevereiro. A SMTR ampliou a oferta de veículos da linha 011 (linha circular Rodoviária/Santo Cristo/Gamboa/Saúde/ Centro) de dois para seis, reduzindo os intervalos de espera de 40 para 10 minutos. Também direcionou fiscais para garantir o cumprimento do trajeto porque os ônibus não estavam passando pelas ruas do Livramento e Cardoso Marinho, percurso obrigatório. Moradores pediram um novo ponto na Avenida Cidade de Lima e tiveram a reivindicação acatada com a implantação de parada em frente ao número 266.
 
Representantes de moradores apresentam reivindicações em reunião com técnicos da SMTR
 
O processo de racionalização dos ônibus partiu da necessidade de tornar o sistema de transporte na cidade mais eficiente. Estudos técnicos constataram que 54% das linhas tinham 50% dos trajetos idênticos ao longo de suas viagens e muitos veículos trafegavam vazios prejudicando a circulação. A revisão dos itinerários tem como objetivo fazer com que os ônibus circulem de forma organizada. “A extinção de linhas não representa redução da frota de ônibus que atende a população. As linhas sobrepostas são substituídas por um conjunto enxuto de novos serviços, batizados de linhas troncais, integradas e circulares”, define comunicado da SMTR.
 
Grande parte das linhas diretas responsáveis pelas principais ligações entre as zonas Sul, Norte e Oeste foram mantidas e tiveram frotas obrigatoriamente ampliadas para aumentar a frequência dos ônibus nas ruas. Como resultado, a população já constatou intervalos mais regulares e menos disputa por passageiros nos pontos.
 
A 1ª fase da racionalização das linhas da Zona Sul da cidade (de outubro a dezembro de 2015) já tem resultados comprovados, como a redução de mais de 20% no tempo de viagem pelas faixas preferenciais do BRS em Copacabana e no Centro da cidade, segundo dados da Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio).
 
Itinerários

Linha 011 (clique para ver mapa)
Circular - Terminal Padre Henrique Otte, Rua Santo Cristo, Rua da América, Rua Barão da  Gamboa, Rua Cardoso Marinho, Rua Santo Cristo, Praça Santo Cristo, Avenida  Professor Pereira Reis, Via Binário do Porto (pista sentido Praça Mauá), Avenida  Venezuela, Praça Mauá, Avenida Rio Branco, Rua Santa Luzia, Avenida Presidente  Antônio Carlos (pista direita), Rua Primeiro de Março, Praça Pio X, Avenida Presidente  Vargas (pista central), agulha acesso pista lateral Avenida Passos, Avenida Presidente  Vargas (pista lateral), Praça Cristiano Otoni, Rua Bento Ribeiro, Rua Marcílio Dias, Rua  Visconde da Gávea, Avenida Marechal Floriano (sentido Avenida Rio Branco), Rua  Acre, Praça Mauá, Rua Sacadura Cabral, Rua do Livramento, Rua Rivadávia Correia, Via  Binário do Porto (pista sentido Rodoviária, Avenida Professor Pereira Reis, Avenida  Cidade Lima, Via D1, Rua General Luis Mendes de Moraes, Terminal Padre Henrique  Otte (ponto terminal)
 
Troncal 8 (clique para ver mapa)
Cosme Velho x Rodoviária (via Praça Mauá)
 
Itinerário de ida: Terminal de Cosme Velho, Rua Cosme Velho, Rua das Laranjeiras, Rua Soares Cabral, Rua Almirante Sodré, Viaduto Jardel Filho, Rua Conde de Baependi, Praça José de Alencar, Rua do Catete, Rua Antônio Mendes Campos, Rua do Russel, Avenida  Beira Mar, Avenida  Antonio Carlos, Rua Primeiro de Março, Avenida  Presidente Vargas, Praça Pio X, Avenida  Presidente Vargas (pista lateral), Rua Uruguaiana, Rua Acre, Praça Mauá, Rua Sacadura Cabral, Rua do Livramento, Rua Rivadavia Correa, Via Binário do Porto (sentido Rodoviária), Avenida  Professor Pereira Reis, Avenida  Cidade de Lima, Via D1, Rua General Luís Mendes de Moraes, Terminal Padre Henrique Otte (ponto terminal)
 
Itinerário de volta: Terminal Padre Henrique Otte, Rua Santo Cristo, Rua da América, Rua Barão da Gamboa, Rua Cardoso Marinho, Rua Santo Cristo, Praça Santo Cristo, Avenida  Professor Pereira Reis, Via Binário do Porto (sentido Praça Mauá), Avenida  Venezuela, Praça Mauá, Avenida  Rio Branco, Avenida  Nilo Peçanha, Avenida  Graça Aranha, Avenida  Calógeras, Avenida  Presidente Wilson, Rua Mestre Valentim, Avenida  Augusto Severo (pista central), agulha acesso pista lateral, Avenida  Augusto Severo (pista lateral), Praça Nossa Senhora da Gloria, Rua do Catete, Rua Pedro Américo, Rua Bento Lisboa, Largo do Machado, Rua das Laranjeiras, Rua das Laranjeiras sob o Viaduto Engenheiro Noronha, Rua das Laranjeiras, Rua Cosme Velho, Terminal do Cosme Velho (ponto terminal)
 
Para entender a racionalização
 
BALDEAÇÃO - O que mudou para muita gente é a necessidade de baldeação, recurso utilizado nas grandes cidades em todo o mundo que exige no caso do Rio de Janeiro que 20% dos passageiros tenham de trocar de ônibus para acessar diferentes regiões. Para a Região Portuária, área que concentra a chegada de passageiros com origem nas zonas Norte, Sul e Oeste, as medidas são importantes, porque reduzem a circulação de veículos na área.
 
LINHAS TRONCAIS - O desenho da nova rede liga a Zona Sul e o Centro por dois corredores principais por onde trafegam as linhas troncais que recebem passageiros das linhas integradas das zonas Norte e Oeste: Leblon, Ipanema, Copacabana e Centro (via Aterro do Flamengo) e São Conrado, Gávea, Jardim Botânico, Botafogo e Centro (via Praia do Flamengo). Os novos serviços também incluem linhas circulares dentro da Zona Sul.
 
DIAMETRAIS - A ligação direta entre as regiões se dá pelas linhas mais rápidas, as diametrais, que conectam as zonas Norte e Sul pelos túneis Rebouças e Santa Bárbara. Entre a Zona Oeste e o Centro a ligação passou a ser pela Linha Amarela e pelo Alto da Boa Vista.
 
FISCALIZAÇÃO - A Prefeitura do Rio segue trabalhando para melhorar o serviço de transporte público por ônibus e reitera o apelo para que a população denuncie qualquer irregularidade ao 1746, canal de comunicação com o cidadão. Todas as denúncias são checadas rigorosamente e usadas para direcionar as ações de fiscalização.
 
Com informações da SMTR.
 
Foto: Bruno Bartholini Mançu
 
CONTEÚDO RELACIONADO
 
SMTR ATENDE MORADORES DA REGIÃO PORTUÁRIA – 15/02/2016